Por que existem tantas doenças na medicina? O corpo humano é assim tão vulnerável?

Sim, temos em média 1 milhão e 800 mil proteínas, enzimas, hormônios, produzidas por em média 25 mil genes ; cada defeito genético ou epigenético (como microRNAs) que altere a funcionalidade destas proteína, enzimas, homônios, geram uma ineficiência que pode ser ou não compensada pelo organismo, alimentação ou ambiente em geral, que se relacionam como um baralho produzindo uma infinidade de doenças . Ou seja, apesar da WHO ter classificado mais de 55 mil doenças no cid11 [1][2]e termos mais de 1 milhão no OpenEHR[3], que é um software livre onde profissionais da saúde podem inserir a partir de um arquétipo as mais variadas modulações de deficiências em saúde (doenças), estima-se que haja mais doenças ainda pois apenas as células de um idoso de 60 anos, já apresenta 40.000 mutações!!![4]

Notas de rodapé

[1] Nova classificação de doenças, CID-11, unifica Transtorno do Espectro do Autismo: 6A02 – Tismoo

[2] https://scielosp.org/pdf/rsp/2020.v54/104/pt

[3] User home

[4] https://www.youtube.com/watch?v=RqJ1Y-RouwQ&t=2s